Infra-Estrutura

O Complexo Arquitetônico da Escola de Teatro da UFBA é formado pelo secular casarão Solar Santo Antônio, que abriga a administração da Escola: secretaria administrativa da unidade, departamentos, colegiados, chefia de apoio e sala dos professores; um Pavilhão de Aulas que abriga 4 (quatro) salas de aulas teórico/práticas, 1 (uma) sala de maquiagem, 1 (uma) sala de cenografia, 1 (uma) biblioteca com banco de textos teatrais e memória, 1 (um) laboratório de informática e 1 (uma) sala experimental – a Sala 05 – que possui arquibancada com capacidade para 70 pessoas; carpintaria; rouparia e um teatro, o Teatro Martim Gonçalves.

Teatro Martim Gonçalves:

Inaugurado em 1958, ainda sob o nome “Teatro Santo Antônio”, o atual Teatro Martim Gonçalves foi reinaugurado em outubro de 2007, após a reconstrução completa da antiga instalação provisória. Para saber mais sobre o teatro, clique aqui.

Pavilhão de Aulas:

O Pavilhão de Aulas da Escola de Teatro possui dois andares, nos quais estão distribuídos 04 (quatro) salas de aula que servem para as atividades de corpo/voz, aulas teóricas e ensaios. O mesmo ocorre para as salas de cenografia e maquiagem, que dividem seus espaços com aulas teóricas e ensaios. A Sala 05, que é uma sala utilizada para realizações e apresentações de montagens didáticas, também é utilizada para ensaios e defesas de dissertações e teses.

No térreo funciona a biblioteca, banco de textos, e o laboratório de informática para os alunos de graduação e pós-graduação.

Carpintaria:

A Escola de Teatro possui uma carpintaria própria que atende as demandas das produções internas, seja das Mostras de Didádicas, dos Trabalhos de Conclusão de Curso, ou dos espetáculos da Cia de Teatro da UFBA.

Casarão:

No casarão funciona a parte administrativa da Escola de Teatro que abriga os departamentos de graduação, o colegiado de graduação, o colegiado de pós-graduação, a secretaria administrativa, direção, chefia de apoio e sala dos professores.

Novo pavilhão de aulas:

O projeto de reforma e ampliação da Escola de Teatro propõe a conclusão da obra do Pavilhão 02, com dimensão de 10x40m, implantado perpendicularmente ao Pavilhão 01 paralelamente ao Casarão existente, formando um pátio de convivência entre as três edificações. A área a ser reformada no Pavilhão 01 é de 747,69 m² e a área a ser construída no Pavilhão 02 é de 2.610,76 m², totalizando 3.358,45 m² de área de intervenção.

Esses espaços foram projetados conforme as normas de acessibilidade (NBR 9050/2004) e de segurança (NBR 9077/2001). Assim, em todos os andares existirão sanitários próprios para pessoas com deficiência, próximos ao elevador, e as larguras das circulações e das portas estão com as medidas indicadas na norma. Na primeira etapa de obra foi executada a fundação e estrutura da edificação com financiamento da FINEP (CT-INFRA). A segunda etapa deve ser iniciada em 2015, com prazo de realização de 12 meses.

ampliacao_escola_teatro